Descubra como ter uma renda extra sem sair de casa

Em tempos de crise, todo mundo busca por uma renda extra para ajudar a pagar as contas. Agora já imaginou ter esse dinheiro a mais sem sair de casa? você só  precisa de internet e um computador?

Irei dar algumas dicas para você ganhar um renda extra sem sair de casa:

1 -Sendo um Trader
É necessário estudar mas fique tranquilo você não levará 5 6 anos como muitas faculdades. Se eu te disser que com 60 dias dependendo da sua dedicação já é possível ingressar neste mercado. Sim é verdade algumas pessoas com 60 dias já estão aptas para fazer TRADE ou seja compra e venda de ativos financeiros no mesmo dia.

2 – Artesanatos
Se você gosta de artesanato, porque não transformar essa paixão em uma renda extra no conforto de sua casa e trabalhando a hora que quiser?
E essa tem sido uma opção para muitas pessoas pois a possibilidade de lucro é grande com um mercado amplo devido a procura de qualidade e criatividade.
Não adianta produzir peças que não têm muita procura. É preciso criar produtos onde seu publico possa se interessar.

3 – Freelancer
O primeiro passo é escolher em qual área irá atuar. Se você tem alguma formação, esse é um bom começo. Porém não se prensa a sua formação, se você é bom em alguma coisa, provavelmente vai encontrar quem queira sua ajuda.

3 – Vendas de Marmitas
Com esse mundo super corrido no dia a dia, as pessoas sempre estão se alimentando de forma errada devido a falta de tempo e buscando gastar menos, com isso a procura de marmitas está aumentando a cada dia e essa é uma grande oportunidade de ter uma renda extra vendendo marmitas, podendo trabalhar sem sair de casa.

4 – Venda De Produtos Importados
Hoje está cada vez mais fácil e barato importar produtos de países como China e Estados Unidos, você pode importar produtos para vender por um valor mais alto, podendo disponibilizá-los em uma página nas redes sociais ou em um site específico que pode ser criado em menos de 1 semana dependendo do seu tempo de trabalho. Com isso , você pode trabalhar com a venda de bijuterias e acessórios, roupas, calçados, cosméticos e maquiagens, bolsas, entre outros produtos.
É necessário conhecer todas as normas de importação e de fretes internacionais para não acabar tendo dores de cabeça. Criar uma conta bancária exclusiva para receber os pagamentos dos clientes.

5 – Venda camisas com estampas diferentes
Quem sabe desenhar ou conhece alguém que desenha também pode lucrar uma renda extra. semanalmente aparecem dezenas de novos sites na rede vendendo camisetas com artes engraçadas ou simpáticas o suficiente para gerar o interesse de alguns compradores.

6 – Revenda produtos no Mercado Livre
Não precisa criar um complicado sistema de e-commerce e nem pagar para programadores desenvolver, para vender seus produtos na internet. Através de plataformas como o Mercado Livre, todo dia milhares de pessoas anunciam e vendem outros milhares de produtos ganhando uma renda extra com baixo custo.

Caso queira saber mais informações sobre como ter uma renda extra acesse (G1), (EXAME). 

Anúncios

Aprenda agora a ganhar uma renda extra nos finais de semana

1 – Transporte

Tem um carro parado na garagem? Por que não tirar uma renda extra trabalhando como motorista nos finais de semana? Através de aplicativos como Uber e 99. Basta atender aos requisitos exigidos por cada empresa. Com isso você pode ter uma renda extra nos finais de semana.

2 – Babá de pets

Ama animais de estimação?  Quando alguém vai viajar, por exemplo, pode procurar por você para cuidar de seu pet e não deixá-lo preso em um hotel de cães ou em casa preocupado com a ração e aguá, sem contar na sujeira que fica na hora de voltar.

3 – Aluguel de quartos

Tem um quarto sobrando ou uma casa na praia? Você pode anunciar nas redes sociais ou em sites de alugueis, você tem controle da disponibilidade, dos preços, das regras da casa e da interação com os hóspedes. Também é responsável por definir horários de check-in e cuidar do processo como quiser. Tudo isso sem sair de casa e não precisa pagar por anúncios  em jornais.

4 – Infoprodutos e Afiliados

Infoprodutos são e-books, vídeos e podcasts, por exemplo, com a missão de educar, resolver um problema ou facilitar a vida de alguém. Basicamente, infoproduto é conhecimento.

Essa venda ocorre totalmente online. Você disponibiliza seu infoproduto para venda, o consumidor compra e paga online.

Já o afiliadoé uma forma de ganhar dinheiro sem sair de casa vendendo produtos de terceiros. Um programa de afiliados funciona por meio de uma plataforma de afiliação.

É essa plataforma que faz a ponte entre o anunciante e o afiliado. A remuneração acontece quando um determinado objetivo é atingido. Por exemplo, você pode receber comissão por cada infoproduto vendido.

5 – Renda extra usando o Instagran

Além de compartilhar fotos com os seguidores, você pode utilizar o instagram para obter uma renda extra pois a rede já bateu a marca de 1 bilhão de usuários ativos e, no Brasil, são 50 milhões de usuários ativos. Com isso, as marcas buscam cada vez mais “influenciadores” para ajudar na venda de seus produtos.

Você pode ganhar dinheiro com o Instagram basicamente de três maneiras diferentes: parceria patrocinada; divulgação de produtos como afiliado; produtos ou serviços próprios.

6 – Trabalhe Como Ghost-Writer                   (Ou Redator)

Ghost-writer, em tradução livre, significa escritor fantasma. É uma pessoa que escreve anonimamente, passando os direitos autorais e de assinatura do texto para um outro autor.

É fácil : você escreve e alguém compra o que você escreveu. Geralmente, o cliente encomenda o que quer na escrita antes e você produz, com base nas necessidades e desejos dele.

Você pode ter uma renda extra criando ebooks, criando artigos com informações variadas, cartas de vendas etc.

7 – Teste Aplicativos Ou Sites

As empresas pagam para que você teste diferentes aplicativos e sites para elas. Bom, se você conhece um pouco de programação, já deve imaginar até o motivo.

Alguns sistemas funcionam perfeitamente em ambiente de teste, porque a rede está carregada com todos os arquivos necessários.

caso queira mais informações sobre ganhar uma renda extra nos finais de semana acesse os seguintes sites: hotmart, EXAME.

 

 

 

 

Descubra agora como limpar seu nome e sair das dividas

Se você está tentando limpar seu nome instituições de proteção ao crédito, como SPC Brasil, o tempo não irá solucionar o seu problema sem que você tome algumas atitudes. irei passar algumas dicas que pode começar agora mesmo a sair dessa situação:

1 – Faça as contas e se planeje:

Junte todas as suas despesas mensais. Faça de conta que você não tem mais as dívidas e considere apenas seus gastos habituais. Não adianta pagar as dívidas acumuladas se todo o mês você fecha no cheque especial e aumenta um pouco mais os débitos no seu orçamento.

2 – Seja paciente

Provavelmente a instituição financeira não aceitará sua contraproposta de primeira. Não se desespere, seu nome já está sujo e enquanto você estiver aberto para negociação, dificilmente a instituição financeira tomará alguma ação judicial contra você.

Entre em contato com os credores todos os meses e apresente sua proposta, lembrando que faça a proposta que cabe no seu bolso  e que não comprometa o seu orçamento e que não adianta nada você se comprometer a pagar um valor maior e não conseguir honrá-lo. Uma boa dica é ir guardando na poupança o valor que você usaria para pagar as parcelas do empréstimo enquanto não consegue fechar o acordo.

 3 – Crie metas

Um dos seus objetivos para 2019. Com uma meta em mente, você pode separar as dívidas prioritárias e criar estratégias, como o pagamento das contas mais caras ainda no primeiro semestre.

4 – Acabe com os gastos desnecessários

Seu orçamento estará comprometido com as parcelas da dívida renegociada, mas você pode tentar economizar nas contas do dia-a-dia para conseguir guardar um pouco de dinheiro por mês. Não importa tanto o valor, visto que sua prioridade financeira agora é quitar as dívidas, mas sim criar o hábito da poupança para quando você estiver com o orçamento menos apertado.

Enquanto estiver pagando as dividas, fica difícil realizar sonhos maiores. Então, por um período não faça dividas. Lembre-se das pequenas economias, como:

  • Apagar a luz do quarto quando sair;
  • Colocar o chuveiro na posição verão no período de calor;
  • Juntar as roupas para usar a máquina de lavar na capacidade máxima;
  • Cancelar TV a cabo;
  • Sair para passeio pouquíssimas vezes.

5 – Pesquise antes de comprar

Para quem está com dívidas é fundamental! Pesquisar antes de comprar qualquer produto é a garantia de que você vai encontrar o melhor preço e, claro, economizar. Tente pesquisar em sites de ofertas e evite parcelas altas.

6 – Faça uma reserva de emergência:

Todo dinheiro que você conseguir poupar deve ser colocado na poupança com o objetivo de formar no médio prazo sua reserva de emergência, Quando você acabar de pagar a dívida, o mesmo valor das parcelas deve ser depositado na poupança também para acelerar a formação da reserva de emergência.

 7 -Negocie a dívida e pague em parcelas

Muitas vezes, dependendo do valor da dívida, você não conseguirá pagar integralmente, tente renegociar a dívida com a empresa.

mais informações sobre como limpar seu nome e sair das dividas acesse: G1, Feirão Serasa

5 cuidados que você deve ter ao contratar um Empréstimo

Saiba quais os cuidados antes e depois de contratar o Empréstimo:

Sempre é bom ter preocupação e cuidado para evitar problemas, principalmente quando se fala sobre a contratação de empréstimos. Justamente por se tratar de de um pagamento a longo prazo.
Por isso, qual quer tipo de empréstimo deve ser pensado e planejado antes de contrata-lo

Saiba agora quais são os 10 principais cuidados que você precisa ter ao contratar qualquer tipo de empréstimo.

 1 – Pesquise antes e faça Simulações

Uma das dicas mais valiosas antes de fechar qualquer negócio, seja um empréstimo ou não, é fazer simulações.

Utilizar o simulador  é comparar a taxa de juros e prazos dos bancos. Com isso você pode calcular até quanto pode pagar e saber todos os processos a longo prazo.

Pesquisar o histórico do banco ou instituição financeira fará você decidir melhora a confiança e a segurança de onde irá realizar o contrato. Buscar também informações em outros sites sobre a empresa que está querendo realizar o empréstimo. Descobrir o nível de satisfação dos atuais clientes em relação ao banco que está interessado, também pode ajudar a tomar uma melhor decisão.

2 – Ofertas de dinheiro fácil

Propostas de dinheiro rápido e fácil, com promessas sedutoras de valores muito abaixo do mercado, não são novidades. Mas podem levar a diversos prejuízos. Saiba que não é permitido cobrar nenhum outro valor acima do teto da taxa de juros ou adicional ao contrato. Sendo assim as instituições financeiras podem oferecer condições justas e competitivas para que o interessado consiga ter acesso ao crédito.

3 – Não assine nada sem ler antes

Não assine nenhum documento em branco e sempre confira o que está escrito, para saber o que você realmente está assinando.

Taxa de juros e outras taxas aplicáveis, prazos de pagamento, valor e data de vencimento das parcelas, conta indicada para o crédito. Confira tudo antes de assinar. Na dúvida, se o documento ou contrato solicitados apresentarem informações, cláusulas diferentes ou abusivas, procure um especialista no assunto.

4 – Cuidado com o depósito exigido para garantir empréstimo

Algumas pessoas acreditam que é preciso pagar um depósito como garantia da liberação do empréstimo, mas isso não é verdade. Cobrar um depósito antecipado de quem está precisando de dinheiro é algo que não faz muito sentido e é proibido por lei de acordo com o Código de Defesa do Consumidor.

5 – Pensar duas vezes antes de pedir o empréstimo

Pensar duas vezes antes de pedir um empréstimo pode te livrar de uma bola de neve . Por esse motivo, além de analisar se o empreendimento realmente precisa do empréstimo, você também deve considerar outras meios de conseguir esse capital. Faça cálculos e procures pesquisar com pessoas que já fez empréstimos e que estão pagando em dia suas contas, evite de fazer vários empréstimos sem consultar um especialista e sem necessidade para evitar muitas dividas e perca de bens e dores de cabeça.

caso queira saber mais informações acesse ReclameAqui, o Globo.

Os 7 Melhores Cartões de Crédito sem anuidade

Os cartões de crédito sem anuidade veio pra ficar, assim como o cartão de crédito está presente como uma opção consolidada de pagamento, seja para o pagamento de grandes compras, viagens ou até para quitar despesas diárias.

Quem é que consegue viver sem um cartão de crédito nos dias de hoje? Comprar online ou mesmo a praticidade de comprar em lojas físicas, já que o prazo para o pagamento da fatura pode chegar a 40 dias. Imagina ter um cartão de crédito sem anuidade?

Cartão de crédito sem anuidade, qual solicitar?

1 – Nubank 

Com o cartão de crédito Nubank, você vive uma nova experiência: a era digital. Além de não conter anuidade, você controla todos seus gastos pelo celular. Para quem sabe que tecnologia e design são melhores do que agências e papelada.
Soluções simples, seguras e 100% digitais para você ter o controle do seu dinheiro nas suas mãos.

2 – Digio

Cartão de crédito digital, internacional, possui a bandeira Visa e as principais atrações são a isenção de anuidade e a ausência de cobrança de juros rotativos. Com isso impede que você gaste seu dinheiro com taxas bancárias, proporcionando maior economia no seu orçamento. Digio é  um cartão de crédito digital, com o Visa Internacional permite o gerenciamento de todos os gastos na palma da sua mão com seu smarphone, em tempo real, de forma fácil e interativa.

3 – Meu Pag! Dois em um

Com o pag! é possível realizar pagamentos de contas, transferência de recursos, depósitos, saque na rede Banco24Horas e recarga de celular. Tudo pelo celular, na palma da mão, sem burocracia e sem anuidade.

4 – Saraiva

Este cartão não tem anuidade e não é preciso enviar documentos para solcitar. Você ainda participa de programas de vantagens de graça. Acompanhe tudo pelo seu celular. O Programa de recompensas é realmente duplo. Todas as compras, realizadas no site e nas lojas Saraiva ou em qualquer estabelecimento credenciado na rede Visa, acumulam pontos para os dois programas: Saraiva Plus e Milhagens Aéreas. E o que é melhor: quando você resgata os pontos em um dos programas, não ocorre o débito dos pontos no outro programa.

5 – Santander Free

Acumulando R$100 em compras na função crédito em cada fatura, você fica livre da anuidade no cartão Free. Você pode pedir até 5 cartões adicionais grátis. Acompanhe seus gastos pelo aplicativo Way do Santander. Antes de fazer suas compras, sair para jantar, ir ao cinema, estudar, viajar, utilize o Esfera e confira nossas promoções.

6 – Cartão Credicard Zero

Zero anuidade, bandeira MasterCard com alguns benefícios, como descontos em viagens de Uber, na Decolar.com e em diversas lojas, como a Magazine Luiza e Extra. É possível gerenciar por um aplicativo do seu celular totalmente grátis.

7 – Cartão Petrobras

Sem anuidade e ainda permite ao cliente participar do Programa Petrobras Premmia, com descontos em combustíveis e acumulo de milhas, entre outros benefícios. O cartão é internacional e com a bandeira Visa, com ampla aceitação no Brasil e no mundo.

mais informações sobre quais os melhores cartões de crédito sem anuidade acesse serasaconsumidor, EXAME.